A Visão Ministerial da Igreja Presbiteriana das Graças é ser uma Igreja que Pastoreia as pessoas da comunidade Graças, a partir da Liderança até as Bordas. Para compreender melhor o nosso foco e nosso direcionamento, é preciso saber que entendemos Pastoreio, Liderança e Bordas como:

Pastoreio - É essencialmente apresentar o caráter de Cristo aos seus seguidores. Para isso, a liderança precisa conhecer a Cristo pelo conhecimento profundo da Palavra, pela aplicação prática da Palavra na vida cotidiana e pelo exercício da comunhão em mutualidade responsável e consciente.

Liderança - São aqueles que sendo chamados pelo Senhor servem à Comunidade das Graças como modelo para os outros seguidores de Cristo.
Bordas — São todos os que, procurando ao Senhor, se chegam à igreja e ficam sem inserção na comunhão em mutualidade responsável consciente. Em muitos casos, a “borda” é composta até por pessoas que ainda não chegaram ao culto comunitário, mas já estão demandando pastoreio a partir de alguém que freqüenta algum culto.

Quando Jesus ressuscitou dos mortos, fez questão de aparecer aos discípulos para que eles vissem o cumprimento da promessa, para ensinar o Reino de Deus, para fortalecê-los e para deixar claro qual seria o trabalho deles.

Ao designar aos discípulos a obra que teriam a fazer, Jesus estava revelando como eles formariam a Igreja. Só pela obediência da liderança a estes comandos de Jesus é que se forma a igreja do Senhor.

Existem quatro verbos que são usados por Jesus para designar a tarefa (pastorear) dos líderes da igreja que Ele estava formando:

Discipular  -  Fazer discípulo, no sentido de formação em uma jornada longa e continuada (Mateus 28:19);

Evangelizar  -  Pregar o Evangelho, no sentido de revelar a pessoa de Jesus aos que não tinham tido a oportunidade de conhecê-Lo, ou seja, vai além de anunciar ideias ou conteúdos, mas revelar Jesus através de relacionamento (Marcos 16:15);

Apascentar  -  No sentido de alimentar, liderar, proteger, cuidar do rebanho e conduzi-lo para  Jesus (João 21:15-22);

Testemunhar  -  Ser testemunha, no sentido de apresentar Jesus como alguém a quem você conhece de ter visto e de ter ouvido pessoalmente (Lucas 24:48 e Atos 1:8). 
 
Nestes quatro verbos que Jesus usou para entregar a tarefa aos seus apóstolos, existem três realidades que são constantes na vida do líder cristão e que formaram a igreja de Cristo em todas as épocas: Conhecer Jesus profundamente; Seguir Jesus consciente e obstinadamente e Incluir outras pessoas que queiram seguir Jesus. E é esta Igreja que queremos ser.

Pense Nisso

“Vivendo no Mundo como Filhos de Deus”. Este é o tema escolhido para ser trabalho durante todo o ano de 2013 na Igreja Presbiteriana das Graças. A cada mês, um assunto será tratado, dentro da perspectiva do que é e como vivemos no mundo sendo filhos de Deus. Confira:

 

JANEIRO - Vivendo a Vida Eterna

FEVEREIRO - Vivendo a Revelação do Nome de Deus

MARÇO - Vivendo a Posse de Deus

ABRIL - Vivendo a Proteção do Nome de Deus

MAIO - Vivendo o Gozo Completo

JUNHO - Vivendo o Ódio do Mundo

JULHO - Vivendo a Santificação da Palavra

AGOSTO - Vivendo a Missão

SETEMBRO - Vivendo a Fé que Une

OUTUBRO - Vivendo a Glória que Aperfeiçoa a Unidade

NOVEMBRO - Vivendo a Vontade de Cristo

DEZEMBRO - Vivendo o Amor de Deus e Cristo

Logomarca da Igreja das Graças

R. Santo Elias, 470 - Espinheiro - Recife/PE - CEP 52020.095
Fone: 81 3081.1158 - Fax: 81 3081.1151

secretaria@ipgracas.org.br

Informativo | Cadastre e receba nossas novidades

Cartello.Conectada com o seu negócio